Base do Clube Esportivo realiza primeiros jogos à noite no Montanha dos Vinhedos

Partidas foram disputadas pelas categorias de base contra a SER Caxias pela Liga Serrana


O Montanha dos Vinhedos foi palco de um momento histórico, reflexo do trabalho feito com os jovens do Esportivo. O estádio recebeu os primeiros jogos à noite das categorias de base do Alviazul, em ação inserida no processo de valorização dos adolescentes no cenário geral do clube: foram disputadas duas partidas contra a SER Caxias, válidas pelas categorias sub-15 e sub-17 da Liga Serrana. Os jogos ocorreram em 14 de outubro.

No primeiro confronto, realizado às 18h30min, o adversário venceu pelo placar de 1 a 0. Já o segundo jogo, marcado para as 20h, terminou 0 a 0. O Esportivo está na terceira posição da categoria sub-19. Na sub-17 está no quinto lugar e na sub-15 ocupa a oitava colocação.


Foto: Kévin Sganzerla


Plantar para colher

A realização de jogos noturnos é mais um passo dado para a valorização do trabalho na base do clube. “Oferecer a eles essa oportunidade é também valorizá-los. Mostrar que o Esportivo acredita no potencial desses atletas e está plantando estes investimentos para lá na frente colher os frutos com o aproveitamento no profissional”, comentou o presidente do Alviazul, Laudir Miguel Piccoli. A ideia do clube é utilizar os jogadores, hoje das categorias de base, na disputa da Divisão de Acesso em 2022.

A possibilidade de receber partidas da base no período da noite foi possível pela recente instalação de placas fotovoltaicas para geração de energia solar no Montanha dos Vinhedos. Com a instalação do equipamento, o Clube Esportivo tem verificado reduções de até R$ 8 mil na conta de luz. O investimento, de R$ 400 mil, foi pago com recursos da venda dos índices construtivos do clube.


Foto: Kévin Sganzerla


Em dois anos, os investimentos do Esportivo na base ultrapassam os R$ 800 mil, em categorias dos cinco aos 19 anos, esta aberta em 2021. “Hoje oferecemos tudo aquilo que esses jovens precisam para se tornarem jogadores”, comentou Piccoli. Entre os ganhos em estrutura estão a construção de alojamento, refeitório, três vestiários e a reforma do campo suplementar. Os meninos contam ainda com transporte e um departamento médico especializado.


Fotos: Kévin Sganzerla

878972691.jpg