Esportivo ganha do Tupi e assume a liderança da Chave A do Gauchão Série A2

Time de Bento fez 1 x 0 ainda no primeiro tempo e segurou o resultado até o final da partida disputada na tarde deste sábado no Montanha dos Vinhedos



Wagner, número 4 às costas, é abraçado pelo zagueiro Chicão depois de marcar o gol que deu a liderança da chave ao Esportivo



Wagner, autor do gol que deu a vitória ao Esportivo, vibra após furar o bloqueio do time adversário

Fotos: Enio Bianchetti


O Clube Esportivo Bento Gonçalves conquistou três pontos importantes ao bater por 1 a 0 a equipe do Tupi, de Crissiumal, em jogo realizado no Montanha dos Vinhedos na tarde deste sábado (07). O gol foi marcado pelo zagueiro Wagner ainda no primeiro tempo e, com o resultado, o alviazul encerrou o turno na liderança da Chave A do Campeonato Gaúcho Série A2 (divisão de Acesso) com 12 pontos. O time tem um jogo a mais que seus adversários diretos na disputa pelas quatro primeiras colocações: Glória (Vacaria), Gaúcho (Passo Fundo) e VEC (Veranópolis), todos com partidas marcadas para este domingo (08) no fechamento da rodada.


O time comandado pelo auxiliar técnico Everson Aguiar (o técnico Carlos Moraes foi suspenso depois do jogo contra o Gaúcho, em Passo Fundo) contou com o retorno do atacante Marcos Paulo que havia participado apenas da partida de estreia, contra o Farroupilha, nas Castanheiras, quando foi substituído por lesão. O Esportivo iniciou a partida com melhor posicionamento em campo e mais tempo de posse de bola. Tanto que logo aos 8 minutos João Felipe chegou a mandar a bola para as redes do Tupi, depois de receber de Iury. O árbitro viu impedimento e anulou o gol.


LIDERANÇA

O Esportivo torce agora por um tropeço do Glória (Vacaria) na tarde deste domingo em Farroupilha, contra o Brasil, e do Veranópolis que enfrenta em casa o Cruzeiro (Cachoeirinha) também neste Dia das Mães, às 15h30min. Como em Passo Fundo a partida é um clássico, entre Passo Fundo e Gaúcho, o time de Bento espera por um empate para se manter na liderança da chave A, para confirmar a classificação às quartas de final no returno que começa sábado, dia 14, justamente contra o Tupi.


PRIMEIRO TEMPO

1 min – Logo no início da partida o Esportivo se jogou no ataque e por pouco não furou o bloqueio do Tupi.

2 min – Primeira falta do jogo, sobre o jogador Ceará, do Esportivo. Wallacer cobra na área mas a bola acaba saindo pela linha de fundo.

5 min – Outra falta sobre Ceará, na saída da área do Esportivo.

8 min – O Esportivo invade a área do time visitante e depois de boa troca de bola entre Iury e João Felipe, este acaba fazendo um golaço, sem chances de defesa para o goleiro rubro. O juiz marca impedimento e anula o que seria o primeiro gol do time da casa.

11 min – Wallacer cobra falta pela direita de ataque e, na sobra, João Felipe bate com força sobre o gol adversário.

14 min- Goleiro do Tupi faz grande defesa após chute de Wallacer cobrando falta do canto esquerdo da área.

16 min – Marcos Paulo é derrubado na entrada da grande área do Tupi.

18 min – Depois de dois minutos de paralisação Iury cobra a falta e a bola bate na barreira, sem risco ao adversário.

22 min – Esportivo continua dominando a partida e levando perigo à área do visitante em rápidos contra-ataques.

25 min – Valdeir cobra falta para o Tupi e a bola vai para a área do goleiro Copetti. Juiz para o jogo marcando impedimento do ataque.

29 min – Grande chance para o Esportivo. Marcos Paulo bate e o goleiro Robinho faz grande defesa. No rebote Wallacer insiste, e novamente o goleiro evita o gol do time da casa.

31 min – Escanteio para o Esportivo. Iury cobra pelo lado esquerdo de ataque do alviazul e acha Wagner entrando livre na pequena área. O número 4 mete um “testaço” e faz o único gol da partida.

39 min – Falta a favor do Tupi. Bunetto cobra na área e Wallacer intercepta, colocando João Felipe para correr. A bola para na zaga da equipe de Crissiumal.

41 min – Ataque do Tupi, A bola cruza pela frente do gol de Ciopetti e sai pela linha de fundos, à direita da meta do Esportivo.

48 min – Árbitro apita o fim do primeiro tempo e o time do Esportivo vai para o vestiário já na liderança, mesmo que temporária, da chave.


SEGUNDO TEMPO

16h08min – Equipes retornam a campo e Tupi tem duas alterações. Índio entra no lugar do capitão Chagas, e Célio entra no lugar do atacante Rodrigo.

4 min – As mudanças do técnico Wanderson Pereira surtiram efeito e o Tupi ameaça o gol do Esportivo pela primeira vez na etapa complementar.

5 min – Tupi insiste, Valdeir em cobrança de falta chuta forte e a bola tira tinta do poste esquerdo da goleira de Copetti.

7 min – Bunetto faz falta dura em cima de Fabrício, do Esportivo, no meio de campo.

12 min – O Tupi continua gostando do jogo e o Esportivo recua. Bunetto obriga o goleiro Copetti a fazer grande defesa para evitar o gol visitante.

15 min – João Neto, do Tupi, literalmente atropela o jogador Iury que sai na maca. Ele ainda resiste e volta a campo, mas acaba sendo substituído por Carlos Magno cerca de 10 minutos depois.

17 min – Na cobrança da falta João Pedro, que recém havia entrado no lugar do atacante Marcos Paulo, cabeceou na pequena área e Wagner escorou para a bola entrar no canto esquerdo. O goleiro Robinho fez outra grande defesa evitando que a bola cruzasse a linha.

20 min – Troco do Tupi. Célio invade a pequena área e obriga Copetti a fazer o seu milagre da tarde.

30 min – Ceará é derrubado e o árbitro marca falta para o Esportivo na entrada da grande área defendida pelo Tupi. Wallacer bate na barreira e a bola sai para escanteio.

33 min – Cris Magno põe o Esportivo de novo no ataque. A bola para na zaga do Tupi.

35 min – Depois de um bate-rebate na grande área do Esportivo, os jogadores do Tupi se jogam sobre o árbitro pedindo pênalti. O juiz Fernando Luis Bertin não dá a penalidade e expulsa Charles, do Tupi, por reclamação. Ele já tinha um cartão amarelo por falta violenta.

46 min – Já na prorrogação o Esportivo tem a última chance de ampliar o placar. Cris Magno achou João Pedro mas não levou perigo ao gol adversário.

49 min – Juiz encerra a partida e o Esportivo foi dormir o sábado na liderança da Chave A.


ARBITRAGEM

Juiz Fernando Luis Bertin, auxiliado por Marcelo Luis Krindges, Ronei Zwirtes e Felipe Ferreira da Silva.


JOGARAM

Clube Esportivo Bento Gonçalves – Copetti, Márcio, Cleiton, Wagner, Chicão, Iury (Carlos Magno), Fabrício (Hippolito), Ceará, Marcos Paulo (João Pedro), Wallacer (Miguel) e João Felipe. Técnico: Everson Aguiar

Tupi Futebol Clube – Robinho, Hiago, João Neto, Wendell, Gandon (Lucio), Bunetto, Chagas (Índio), Charles, Alex, Valdeir (Liedson) e Rodrigo (Célio). Técnico: Vanderson Pereira


A RODADA

SÁB, 7/5 - MONTANHA DOS VINHEDOS

Esportivo (Bento Gonçalves) 1 X 0 Tupi (Crissiumal)

DOM, 8/5 – 15h - ANTÔNIO DAVID FARINA

Vec (Veranópolis) X Cruzeiro (Cachoeirinha)

DOM, 8/5 – 15h - ARENA BSBIOS

Gaúcho (Passo Fundo) X Passo Fundo

DOM, 8/5 -15h30min - CASTANHEIRAS

Brasil (Farroupilha) X Glória (Vacaria)


CLASSIFICAÇÃO

Posição PG J V E D SG

1º Esportivo (Bento Gonçalves) 12 7 3 3 1 2

2º Glória (Vacaria) 10 6 2 4 0 4

3º Gaúcho (Passo Fundo) 10 6 2 4 0 3

4º VEC (Veranópolis) 9 6 3 0 3 1

5º Passo Fundo (Passo Fundo) 9 6 2 3 1 3

6º Tupi (Crissiumal) 5 7 0 5 2 -2

7º Cruzeiro (Cachoeirinha) 4 6 0 4 2 -4

8º Brasil (Farroupilha) 3 6 0 3 3 -5